Diet Coach Online – Semana 2 – Dia 13 – Supere o desejo incontrolável por comida

picture-11Se você busca emagrecer naturalmente uma habilidade importante a desenvolver é o autocontrole. Hoje, você vai aprender como lidar com os “ataques de fome” de maneira eficaz.

O que fazer quando está na festa da empresa ou no aniversário de um amigo, ou é convidado para um jantar? Ou mesmo quando está naquela reunião por horas e esqueceu de trazer algo para comer? parece que depois existe um monstro em seu estômago e nem 10 big macs seriam capazes de detê-lo.

Se você já passou por esses aparentemente incontroláveis “ataques de fome”, a primeira boa notícia é que você não está só. Eu também já enfrentei esses “ataques de fome”, e outros tantos que um dia quiseram levar a sério um programa de emagrecimento ou uma dieta saudável.

Mindful-Eating-e-kurs

Podemos vencer os ataques de fome.

Essa é a segunda boa notícia. Os ataques de fome normalmente têm seu ponto alto durante as primeiras semanas da dieta. Na medida em que você restringe ou para de comer alimentos que lhe causam desejo, (normalmente fastfood, doces, salgadinhos e similares), seus desejos por esses alimentos vão diminuindo de maneira significativa.

A primeira dica para lidar com os ataques de fome é EVITAR O PRIMEIRO PEDAÇO.

Eu mesmo já me enganei no passado muitas vezes com a esparrela de que “ah não, vou comer só esse pedacinho”, e aí vem um outro, e mais outro, e parece que a caixa de Pandora se abre e não paramos mais de comer.

É mais fácil evitar dar a primeira mordida no doce, no salgadinho ou em qualquer alimento que esteja fora do seu plano de emagrecimento do que tentar se enganar dizendo que terá autocontrole e será “apenas um pedacinho”.

Isso me lembra aquele lema dos Alcóolicos Anônimos: não beba a primeira dose. Para os alcoólicos, a primeira dose é a porta de entrada do retorno ao vício.

Não menospreze o poder das compulsões alimentares fazendo pouco caso dos ataques de fome. Aprenda essa lição do AA e evite a primeira mordida. Será muito mais fácil resistir se você não começar a farra.

fome-gula

A segunda dica é que quando aprender a tolerar o ataque de fome sem ceder, irá ganhar autoconfiança crescente

Retardar a satisfação de um desejo aumenta sua capacidade de tolerá-lo e aumenta também sua autoconfiança de que consegue suportá-lo. Quanto mais você retarda a satisfação do desejo de comer, menos intenso e frequente ele será no futuro. Eventualmente, você irá experimentar, mas em vez de se sentir mal, se sentirá bem melhor. Sua persistência e autoconfiança só irão aumentar.

Você dirá espontaneamente para si mesmo:

“É incrível. Estou sentindo esse desejo intenso, mas sei que posso tolerá-lo e ele passará. É ótimo que eu esteja conseguindo suportar! “

Ao contrário de se sentir em privação, você se sentirá bem – uma pessoa orgulhosa, forte, confiante e no controle da situação. Fazer dieta será muito mais fácil.

Para chegar até este ponto, entretanto, você primeiro precisa aprender a responder aos seus desejos, o que é, na verdade, mais fácil do que as pessoas imaginam.

Os desejos começam a diminuir quando você decide que não vai, absolutamente, afastar-se da dieta. Eles aumentam quando você está indeciso sobre comer ou não.

Para enfraquecer a intensidade dos desejos e reduzir sua freqüência, você precisa parar de se entregar a eles.

Se a fome é incontrolável, substitua um alimento muito calórico por um de baixa caloria

Pense que a aquela sua vontade louca de comer um Big Mac não é uma necessidade, é um desejo. É a fome  da boca ou dos olhos, não a do estômago. Assim como aquele desejo irrefreável por pizza, chocolate, salgadinhos, por um milk shake.

Seu corpo precisa, sim, de frutas, legumes, verduras, saladas, carnes magras, boas fontes de gordura animal e vegetal.

Uma lista de alimentos de baixa calorias extraída do site dos Vigilantes do Peso para você se deliciar

vegetaisfrutas1

maçãs
damascos
espargos
bananas
brotos de feijão
beterraba
pimentões
brócolis
couve
abóbora
repolho
cenouras
couve-flor
aipo
cerejas
pepino
berinjela
Endívia
escarola
funcho
Figos (fresco)
Coquetel de frutas (em água)
Gelatina (sem açúcar)

dnllic2wsjg33epmd7yixqk5r
folhas de uva
uvas
Palmito
raiz-forte
pimentas
ketchup
kiwi
couve-rábano
alho-poró
limões
alface
Limes
mangas
verduras
cogumelos
mostarda
nectarinas

mindful easting
quiabo
laranjas
mamão
maracujá
peras
pêssegos
picles
ananás
ameixas
rabanetes
framboesas
couve-nabo
salsa
chucrute
salada sem molho ou croutons (fast-food)
molho de soja
ervilhas
molho de carne
morangos
Feijão de corda
espinafre
Ervilhas instantâneas de açúcar
mexericas
tomates
nabos
vinagre
castanhas de água
agrião
melancia
abobrinha

vegetariano1

Beba MUITA ÁGUA e CHÁs com adoçantes naturais (estévia)

Taí um alimento super saudável e com zero calorias. ÁGUA. Sem contra-indicações. Beba água sempre que puder, e isso irá te ajudar a lidar com a fome. Faz bem à saúde, hidrata, evita as pedras nos rins, e é um aliado natural do emagrecimento.

Outra opção, quando você enjoou de beber água e quer experimentar algo mais saboroso, é desfrutar dos sabores de chás. Eu passei a adotar os chás em substituição ao café, que também é zero calorias, se não tiver açúcar, mas não deve ser consumido em excesso, por causa da cafeína.

Eu passei a adorar os chás de frutas silvestres, camomila, e sobretudo, os termogênicos chá verde, chá preto, que ajudam a emagrecer por acelerarem o metabolismo. Esses últimos, por terem cafeína, também devem ser consumidos com moderação.

Adoce os chás com adoçantes naturais como estévia, por favor, evitando os adoçantes químicos, que não fazem tão bem à Obviamente, você vai evitar o açúcar, caso contrário o efeito será nulo.

Como você pode ver, dá para ter uma vida bem razoável e interessante pensando magro. Com todos esses alimentos à disposição, dá para enfrentar um ataque de fome sem precisar cair dentro de uma pizza ou de um big mac e “chutar o balde” e o “pau da barraca” de sua dieta.

No início, pode parecer de outro mundo substituir um doce por uma maçã ou uma lasanha por um frango grelhado. Mas tudo é uma questão de repetição e hábito e imaginar que você está trocando um prazer momentâneo e imediato por saúde e o prazer duradouro de ter um corpo bacana, elogios e autoestima. Vale a pena!

Fontes:

Beck, Judith – Pense Magro

Site Weightwatchers.com – http://www.weightwatchers.com/util/art/index_art.aspx?tabnum=1&art_id=59781

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s